Implante Anticoncepcional – Contraceptivo IMPLANON®

 Em método contraceptivo

Implante Anticoncepcional Subdérmico – método hormonal contraceptivos

O implante anticoncepcional é muito mais do que um mero “palito de hormônios”. Ele é uma maneira revolucionário de contracepção, aliando eficácia, discrição e segurança.

Para mulheres que costumam esquecer as doses diárias da pílula anticoncepcional, esse método é uma excelente alternativa, pois ele é reversível e de longa duração.

CLique e Assista ao Guia Completo!

Buscando Onde Colocar Implante Contraceptivo em São Paulo?

Entre em contato com a Clínica da Dra Fernanda:

O que é o Implante Anticoncepcional?

Quase do tamanho de um simples palito de fósforo, o implante – ou chip – contraceptivo é um bastonete de silicone colocado abaixo da pele, na parte superior do braço. Ele possui um reservatório que libera continuamente o hormônio progesterona direto na corrente sanguínea. A liberação é feita gradativamente, mas é o suficiente para impedir que os ovários liberem os ovócitos.

O hormônio também atua engrossando o muco cervical, o que dificulta a motilidade do esperma no útero, diminuindo as possibilidades de fertilização do ovócito.

Como o implante contraceptivo é colocado

Para o implante contraceptivo ser colocado sob a pele, é utilizada uma anestesia local. Após a região na parte interna do braço estar anestesiada, a médica ginecologista deve introduzir o implante com a ajuda de agulha especial.

O melhor período para ser colocado é dentro de 7 dias após o início do ciclo menstrual. Se for colocado fora desse prazo, será necessário usar outro método não hormonal (de barreira) nos próximos 7 dias.

Uma vez inserido, a mulher pode ter uma vida normal, sem se preocupar com esquecer de tomar a dose diária de hormônio para evitar a gravidez.

Implante contraceptivo Onde Colocar

O procedimento para colocar o implante pode ser realizado em consultório pelo próprio médico ginecologista.

Retirada do implante hormonal

Pode retirar a qualquer momento, a retirada é realizada por um médica ginecologista especializado, através de um procedimento simples. Uma vez fora do organismo, o efeito contraceptivo passa rapidamente e logo já se torna possível engravidar novamente.

Indicações do chip contraceptivo

Esse método é indicado para mulheres que buscam os métodos mais eficientes, pois ele tem 99% de eficácia – sendo o método mais eficaz disponível no mundo.

Quem esquece ou não quer controle diário, semanal ou mensal dos outros métodos (afinal é um compromisso e o esquecimento pode ter consequências indesejadas – o implante pode substituir até 1.095 tomada de pílulas! )

Alguns médicos ginecologistas também indicam esse método para mulheres que tenham contraindicações a anticoncepcionais a base de estrógeno, uma vez que seu princípio ativo é a progesterona.

Mulheres que sofrem com os sintomas da TPM

É apropriado para as adolescentes (recomendado pela OMS)

Ele também é designado para mulheres no pós-parto em fase de amamentação, pois não prejudica a produção do leite.

Contraindicações do implante anticoncepcional

O Implante é contraindicado para:

  • Gravidez ou suspeita de gravidez.
  • Distúrbio tromboembólico venoso ativo.
  • Presença ou história de tumor hepático (benigno ou maligno)
  • Presença ou história de doença hepática grave, enquanto os valores dos testes de função hepática não retornarem ao normal.
  • Presença ou suspeita de malignidades sensíveis a esteroide sexual.
  • Sangramento vaginal não diagnosticado.
  • Hipersensibilidade à substância ativa ou a qualquer componente do implante

Caso ocorra qualquer dessas situações pela primeira vez durante o uso do implante, esse deve ser imediatamente retirado.

Benefícios

  • Não interrompe o sexo
  • Alta eficiência
  • Não tem risco de esquecer
  • Longa duração
  • Reversível

Efeitos colaterais e desvantagens

Um dos efeitos colaterais mais comuns com o uso do implante é a alteração nos padrões de sangramento e amenorreia (ausência de menstruação). Ele também pode causar alteração no peso, cefaleia, assim como dores abdominais e nos seios.

Assim como outros métodos contraceptivos a base de hormônios, ele também não protege contra as Infecções Sexualmente Transmissíveis, como AIDS, sífilis, entre outras.

Sua colocação e remoção deve ser feita sempre por um profissional especializado, garantindo sua eficácia e a segurança da paciente durante todo o processo. Antes da colocação, é necessário que o médico faça exames para avaliar se a mulher está apta a recebê-lo.

Quanto tempo dura o implante anticoncepcional?

A troca deve ser feita a cada três anos. Após esse período, o reservatório de hormônio já está baixo e não é o suficiente para evitar uma gravidez indesejada.

Qual o valor do implante anticoncepcional?

O preço médio, considerando o procedimento mais o implante, é de R$2.500 a R$ 4 mil. No entanto, isso pode variar de acordo com cada clínica.

IMPLANON

O Implanon é uma marca de implante contraceptivo subdérmico liberador de etonogestrel do laboratório MSD – Merck Sharp & Dohme Corp.

Consulte sua ginecologista para saber se esse método contraceptivo reversível de longa duração é indicado e adequado para você!

Onde Colocar Implante Contraceptivo em São Paulo?

Entre em contato com a Clínica da Dra. Fernanda Torras para pedir um orçamento:

DEIXE UM COMENTÁRIO